2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Críticas & Comentários a Concertos & Eventos!
Ziltoid [RIP 2011/11/17]

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor Ziltoid [RIP 2011/11/17] » domingo ago 07, 2011 2:30 pm

Zyklon Escreveu:
Aqui á tempos tinha recebido uma pm que dizia mais ou menos assim "se fores a vagos vamos ter uma conversinha", afinal outro envergonhado.



Deixa lá... eu pensei que ia levar nos dentes de fãs de Gwydion, Midnight Priest e do JA dos Decayed... no metal confirma-se uma coisa, queixem-se nos fóruns e bebam cerveja nos concertos, o resto é coisas que não interessam a ninguém.

Ziltoid [RIP 2011/11/17]

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor Ziltoid [RIP 2011/11/17] » domingo ago 07, 2011 2:32 pm

Rascal Escreveu:Aqueles fails todos da energia foi devido ao quadro que arrebentou na quinta feira,mesmo na zona onde estava acampado,e assim nem recepção ao campista houve,mas fez-se a festa á mesma.(nota para o facto de aquilo ficar a arder durante 15m com toda a gente a olhar,inclusive staff do vagos que lá se lembraram que um extintor serve para apagar chamas).



Ca puta de exagero, aquilo rebentou mesmo à minha frente, pegou fogo em menos de 1 minuto, eu corri para avisar os gajos que tavam nas bifanas, eles vieram, esteve uns 2 minutos em chamas, um gajo ao telemovel, provavelmente a avisar bombeiros, e passado 1 minuto aparece um gajo com um extintor. Se passaram 4 ou 5 minutos foi uma sorte.

Avatar do Utilizador
HappyTreeFriend
Participante Compulsivo(a)
Mensagens: 122
Registado: terça abr 19, 2005 2:13 am

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor HappyTreeFriend » domingo ago 07, 2011 2:40 pm

Ziltoid Escreveu:Grande Vagos.
Anathema - Não gostei. Se eles agora tão armados em New-Age/Progressive/Banda que tem gaja em vestidinhos de flor... opá, que se dediquem a Paredes de Coura e a concertos em salas fechadas, tipo Centros Culturais e coisas assim. Foi demasiado morno, demasiado meh, o guitarrista parecia que a qualquer momento se ia desfazer em palco de tanto que adorava o público. O resto da banda... sei lá. Eu adoro Anathema da fase Alternative 4 e Judgement, gostei muito deste último álbum... mas porra, isto em Open Air é uma seca do caraças, que tédio. Já agora, se o material dá o berro... comecem a música de novo. Não é tocar 1 minuto de uma música que eu tava mesmo à espera... e depois cagar nela e seguir em frente porque deu o berro. Comecem de novo... eu pelo menos gostaria.


A corrente no palco foi abaixo 4 vezes no mínimo. 2 Vezes durante a mesma música (Empty). Começar sempre as músicas do ínicio significava ter que cortar uma ou duas músicas da setlist no fim. Fez-se o que se podia fazer atendendo à vergonhosa situação com que a banda teve que levar sem estar preparada, porque curiosamente - mesmo vindos de uma vaga de concertos no Mexico, Chile e Argentina (países quase considerados terceiro-mundistas por muitos) isto só aconteceu mesmo em Portugal. A mim a última vez que isto me aconteceu foi em Barroselas nos anos 90 para aí.

Curti Devin Townsend.

Avatar do Utilizador
Rascal
Participante Inspirado(a)
Mensagens: 91
Registado: quarta jul 04, 2007 2:28 pm
Localização: Coimbra

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor Rascal » domingo ago 07, 2011 2:56 pm

Ziltoid Escreveu:
Rascal Escreveu:Aqueles fails todos da energia foi devido ao quadro que arrebentou na quinta feira,mesmo na zona onde estava acampado,e assim nem recepção ao campista houve,mas fez-se a festa á mesma.(nota para o facto de aquilo ficar a arder durante 15m com toda a gente a olhar,inclusive staff do vagos que lá se lembraram que um extintor serve para apagar chamas).



Ca puta de exagero, aquilo rebentou mesmo à minha frente, pegou fogo em menos de 1 minuto, eu corri para avisar os gajos que tavam nas bifanas, eles vieram, esteve uns 2 minutos em chamas, um gajo ao telemovel, provavelmente a avisar bombeiros, e passado 1 minuto aparece um gajo com um extintor. Se passaram 4 ou 5 minutos foi uma sorte.


4/5 minutos?LOL ainda teve tempo de ficar a arder ao ponto de estoirar mais 3 vezes até alguém se lembrar que tinha um extintor.Mas whatever,isso não interessa para nada.Com mais ou menos falhas,o fest foi em grande.
Imagem

Ziltoid [RIP 2011/11/17]

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor Ziltoid [RIP 2011/11/17] » domingo ago 07, 2011 3:00 pm

Rascal Escreveu:
Ziltoid Escreveu:
Rascal Escreveu:Aqueles fails todos da energia foi devido ao quadro que arrebentou na quinta feira,mesmo na zona onde estava acampado,e assim nem recepção ao campista houve,mas fez-se a festa á mesma.(nota para o facto de aquilo ficar a arder durante 15m com toda a gente a olhar,inclusive staff do vagos que lá se lembraram que um extintor serve para apagar chamas).



Ca puta de exagero, aquilo rebentou mesmo à minha frente, pegou fogo em menos de 1 minuto, eu corri para avisar os gajos que tavam nas bifanas, eles vieram, esteve uns 2 minutos em chamas, um gajo ao telemovel, provavelmente a avisar bombeiros, e passado 1 minuto aparece um gajo com um extintor. Se passaram 4 ou 5 minutos foi uma sorte.


4/5 minutos?LOL ainda teve tempo de ficar a arder ao ponto de estoirar mais 3 vezes até alguém se lembrar que tinha um extintor.Mas whatever,isso não interessa para nada.Com mais ou menos falhas,o fest foi em grande.



O pessoal tava mais interessado em salvar a cerveja que o quadro eléctrico!!! Aquilo é que era pânico!!!!!

Avatar do Utilizador
joaonuno2009
Ultra-Metálico(a)
Mensagens: 2178
Registado: terça jul 27, 2010 12:16 am
Localização: Serra D'El Rei/Caldas Da Rainha
Contacto:

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor joaonuno2009 » domingo ago 07, 2011 3:02 pm

30 CARALHOOOOOOOOOOOO :jam:
https://joaonvno2009.blogspot.com/

Ziltoid [RIP 2011/11/17]

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor Ziltoid [RIP 2011/11/17] » domingo ago 07, 2011 3:04 pm

joaonuno2009 Escreveu:30 CARALHOOOOOOOOOOOO :jam:


Havia demasiada gente com 30

Avatar do Utilizador
Jay
Metálico(a) Supremo(a)
Mensagens: 716
Registado: terça dez 21, 2004 8:49 pm
Localização: Barcelos
Contacto:

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor Jay » domingo ago 07, 2011 3:21 pm

Ziltoid Escreveu:Gostei tanto dele que na sessão de autografos eu e a minha míuda oferecemos ao gajo um Kazoo e ele curtiu. Foi altamente.

Alucinado como o homem é de certeza que vai usar isso num próximo disco... lol

Ishahn para mim foi o melhor concerto de todas a edições do VOA!!!
"Death Lives In Us"
Imagem

Avatar do Utilizador
AH.photo
Ultra-Metálico(a)
Mensagens: 1147
Registado: quarta jul 20, 2005 10:50 pm
Localização: Portugal
Contacto:

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor AH.photo » domingo ago 07, 2011 3:40 pm

ORIS Escreveu:Agora sim fico um bocado apreensivo é q eu para poder entrar à tarde ñ podia entra com tampa numa garrafa de água? tipo tão com medo q mande a tampa à tola de alguém? Acho q uma garrafa na tola doi mais

Acho que vos está a escapar a razão porque retiram as tampas das garrafas, e a resposta está na tua frase. Uma garrafa mandada fechada não perde o conteúdo pelo caminho e aleija se acertar em alguém, já mandada sem tampa chega ao destino vazia.
Move on, parece que é o 1º festival onde não se pode entrar com garrafas fechadas! Já fui a muitos fests e concertos onde nem cintos, pulseiras, walkmans, máquinas fotográficas ou comida e bebida de qualquer espécie podia entrar.


Onesolo Escreveu:Depois o momento da noite... arrebentou o PA qd estavam a fazer o checksound de Tiamat... priceseless... resultado, prai uma hora atraso... yyuupi!!! fucking twads... ao menos nos 2 concertos seguinte ficou tudo sanado...

O atraso deveu-se à troca do gerador que estava a dar problemas em Anathema, daí o palco ter ficado completamente às escuras após o fim do concerto.
andré henriques
http://www.ahphoto.pt | Facebook
«mais mon nom si tu le connais reste imprononçable, il est prononcé - Malédiction»

Avatar do Utilizador
Old_Skull
Ultra-Metálico(a)
Mensagens: 3131
Registado: quinta nov 08, 2007 9:35 pm
Localização: Viseu

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor Old_Skull » domingo ago 07, 2011 3:57 pm

Fui ver Morbid Angel... e não desiludiram!


De resto fica um pequeno reparo nos preços praticados dentro do recinto (3€ por uma sandes é RIDÍCULO) e à equipa de Segurança cujos membros estavam mais empenhados em mostrar-se às meninas que em cumprirem discretamente o seu trabalho. O excesso de zelo nas entradas, na interdição das zonas e sobretudo na forma como acabaram com a festa de Sábado é simplesmente DESRESPEITOSA para quem lhes dá o dinheiro a ganhar.

Vagos tem tudo para se tornar o Fest do POVÃO metaleiro destas paragens!
Última edição por Old_Skull em domingo ago 07, 2011 3:57 pm, editado 1 vez no total.

Avatar do Utilizador
KonigLowe
Ultra-Metálico(a)
Mensagens: 1700
Registado: quinta mar 11, 2004 3:55 pm
Localização: Submundo

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor KonigLowe » domingo ago 07, 2011 3:57 pm

Eu também por lá andei nos dois dias. Cheguei, estive nas tendas com umas amigas e amigos delas e depois encontrei dois amigos e ficamos na letra nas cadeiras junto à entrada. Andava por lá andava um gaijo de Anathema mas ninguém lhe ligava puto!! Depois umas groupies lá o viram e foram-lhe dar atenção!
E de repente a bicha estava enorme!!

Acho que a segurança tem de fazer o seu trabalho - é para o que são pagos, mas achei piada não poder entrar com uma garrafa de água e depois fui a ver e tinha deixado o canivete na mochila que entrou na boa!!

Musicalmente o primeiro dia não era para mim, mas eram para a maioria. Como eu tinha dito no tópico do Festival haviam alguns indicadores que faziam prever que estaria muita mais gente e estava de facto.
De repente o mesmo campo de futebol de futebol parece ter ficado bem mais pequeno. E como diziam atrás e que concordo, acho que o dia de Opeth foi das três edições de festival o que teve mais gente, isto a olho, como é lógico, porque só a organização terá dados mais concretos. De qualquer forma o JN hoje dizia:

"À hora de fecho desta edição, já aquecia o palco para a actuação dos lendários norte-americanos Morbid Angel. À espera cerca de 20 mil espectadores que não desmobilizaram apesar da chuva".

E em Opeth estava muito mais gente em frente ao palco do que em Morbid Angel que até se podia andar lá pelo meio na boa.

Ainda sobre as condições do recinto. A segurança esteve melhor, não se viram aquelas expulsões completamente estúpidas. A zona do merchandise estava bem melhor até tiveram o cuidado de colocar um tapete de relva natural, globalmente acho que as melhorias notam-se a olhos vistos. E isso é muito importante, que a organização tenha sempre o cuidado de receber as pessoas que vêm de todo o país e até do estrangeiro.

Paralelamente ao Festival parece que o clube local também está a lucrar com a parceria. Se no segundo ano fizeram uma bancada, este ano a bancada já estava coberta!! Daqui por cinco anos aquilo está melhor que o Dragão dizia um amigo meu!! Reparei que também lá tinham folhetos turísticos a promover a região de Vagos.

Segundo dia entrei quando estava a tocar Malevolence uma cena que ouvi há uns bons anos e depois lhes perdi o rasto, ou eles mesmos deixaram de dar notícias. Gostei de Kalmah e fiquei meio boquiaberto com aquela cena de Devin Townsend Project que como não conhecia de todo fez com que a surpresa tenha sido ainda maior. O homem dá espetáculo. E depois claro Morbid Angel banda que muito ouvi há uns bons anos até à letra C. Muito bom.

Algumas, poucas, caras conhecidas aqui do Porto. Muitas caras, femininas, bem bonitas para regalar os olhos.

Terceiro ano, espero que o Festival continue a crescer sustentavelmente e se eu voltar a ir - até pó ano!
Mas livrai-nos do Malamén

Avatar do Utilizador
Mother_North
Metálico(a) Compulsivo(a)
Mensagens: 398
Registado: terça jan 27, 2004 7:52 pm
Localização: Norte Nortenho,emprestada aos mouros.
Contacto:

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor Mother_North » domingo ago 07, 2011 4:00 pm

Os melhores concertos Devin Townsend Project e Opeth além da optima energia foram divertidos.
O concerto de Anathema tinha tudo para ser muito bom ,mas não foi ,aquelas quebras de energia conseguiram estragar tudo ,resumindo o concerto a poucos momentos bom.

Gostei de ver algumas melhoras quanto á organização, os tapete que colocaram foi optimo evitou a poeirada dos anos anteriores, os bilhetes de passatempos, convidados e media serem numa bilheteira á parte, o que ajudou a diminuir a fila. Só faltam as casas de banho decentes.

Off-topic : os seguranças com detectores de metal, f*cking irony :D
"És a criatura insatisfeita, vives entre a bela Esperança e o Desespero"
Cd's p venda : viewtopic.php?f=49&t=28689
http://www.maenorte.deviantart.com

Avatar do Utilizador
AH.photo
Ultra-Metálico(a)
Mensagens: 1147
Registado: quarta jul 20, 2005 10:50 pm
Localização: Portugal
Contacto:

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor AH.photo » domingo ago 07, 2011 4:22 pm

Anathema
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem

Tiamat
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem

Opeth
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
andré henriques
http://www.ahphoto.pt | Facebook
«mais mon nom si tu le connais reste imprononçable, il est prononcé - Malédiction»

Avatar do Utilizador
Amphion
Administrador
Mensagens: 3088
Registado: sexta mai 02, 2003 8:56 pm
Contacto:

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor Amphion » domingo ago 07, 2011 4:46 pm

E assim terminou a minha 3a participação no já grande Vagos Open Air, finalmente refastelado em casa, a sentir todos os músculos e articulações a doer, depois da devastação em Morbid Angel.

De facto a questão da segurança é pertinente. A revista à entrada variou entre a massagem corporal completa com carinho e a indiferença total. A partir das 23:00 era fácil colocar uma ogiva nuclear no meio do recinto. Apesar disso, é de louvar um festival em que os segurança que estão na área de aterragem dos crowd surfers se mostrem realmente preocupados com os mesmos. Ainda os voadores não tinham chegado ao aeroporto, e já os segurança se preparavam para os segurar ao colo e reencaminhar em segurança para a plateia. Mesmo assim, alguns voadores revelaram-se insatisfeitos com este amor excessivo, e decidiram inventar uma nova modalidade de diving directo sem surf, com aterragem directa no chão. Corajosos!

A logística estava francamente melhorada. O oleado no chão lá à frente fez maravilhas, algo que não se vê em festivais mainstream conceituados, e a cobertura das bancadas terá agradado a muitos. Como sempre, ausência absoluta de comida vegetariana, já que os vegetarianos serão certamente idiotas que só comem alface e não merecem estar num concerto de metal. Sim, que isto de ser alternativo e "pensar diferente" só se aplica ao que dá jeito e não chateia.

Passando ao que realmente interessa, as bandas, quero destacar:

- Anathema - uma coisa é dizer-se que "não gosto da banda ou não gosto do álbum X que tocaram, logo nunca gostaria do concerto", e outra é dizer-se que "não gosto da banda ou do álbum X e por isso não deveriam tocar ao vivo". A primeira opinião é respeitosa, a segunda é petulante. Dizer-se também que "gosto do álbum X mas não funciona ao vivo" é demonstrar que não se gosta assim tanto desse álbum ou que não se estava com pachorra para o ouvir. Anathema portaram-se muitissimo bem, grande comunicação com o público, e a sua postura em palco foi apenas reveladora do caminho espiritual e interior que têm feito e que está bem espelhado nas letras e músicas do último álbum. Diria até mesmo que não deixa de ser curioso sentir a dissonância absoluta existente entre o sentimento das faixas antigas e as faixas novas, e pergunto-me se a banda se sentirá confortável a interpretar as músicas antigas. Vibrei com o concerto do inicio ao fim, mas se calhar deviam escolher outro tipo de festival ou evento, já que hoje em dia não têm a evilness necessária para satisfazer os milhares de presentes, aparentemente sedentos de satanás e negritude.

- Opeth - uma das minhas bandas de eleição. Perfeita ao vivo, um frontman digno desse nome, mas um alinhamento que não me satisfaz, quando possuem tantas músicas melhores (na minha opinião, claro). Os growls do Mikael estavam bastante fracos, para aquilo que habitualmente faz. Ainda fiquei na esperança que tocassem a fabulosa nova música do próximo álbum, que muito me deixa esperançado num regresso à organicidade de tempos idos, mas não tive essa sorte. O público estava rendido, e foi uma aposta ganha da organização.

Ihshan - numa observação superficial da banda, porque só ouvi cada álbum umas duas vezes, acho que são uns Emperor em "mau", e não me faz sentido que toque faixas de uma banda que quis terminar por ter sentido que atingiu o seu "apogeu". Se era para continuar Emperor não tinha mudado de nome, ou pelo menos mudava radicalmente a direcção musical. Eu sei que a opinião é polémica, mas é estranho ver uma banda a tocar uma cover de outra banda, cujo frontman é elemento comum. Ainda para mais quando a maioria das pessoas estava ali só para ouvir um cheirinho de Emperor.

Devin Townsend - génio, puro génio. Tudo o que dizem sobre este senhor não é de todo excessivo. Uma criatividade e imaginação que chega literalmente a todo o cosmos, e um concerto irrepreensível e perfeito. Acho que nunca vi um concerto com um som tão poderoso, e pergunto-me como é que os técnicos e banda conseguiram espetar à nossa frente as múltiplas camadas sonoras de cada álbum. Como se não bastasse, a voz está toda lá e as guitarras não falharam. Para passar de 99 para 100% era só ter tido a presença da senhorita Anneke a interpretar os temas do Addicted. Foi arrepiante!

Morbid Angel - devastação total, muito sentimento, muita intensidade. Seguindo as pegadas do sr Devin, mas numa toada muito mais séria, foram invocadas nuvens, estrelas, energias e obscuridade pelo vocalista, que se sentiram bastante bem lá à frente. Os temas do polémico novo álbum não comprometeram, se bem que aquela música de refrão "morbid" me faz alguma confusão no meio da restante genialidade caótica. Tive o prazer de ficar a maior parte do tempo (quando não era levado pela enxurrada, para desentorpecer as pernas) em frente do Trey, e fiquei totalmente rendido à técnica do homem. Há qualquer coisa de especial naquela criatura, que desfilou riffs ultra-técnicos e solos incrivelmente virtuosos como se nada fosse, com um feeling infinito. São deuses, estes senhores.

Venha mais para o ano!

Avatar do Utilizador
X-FrEaK
Ultra-Metálico(a)
Mensagens: 2534
Registado: sexta mar 23, 2007 7:02 pm
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: 2011.08.05/06 - Vagos Open Air

Mensagempor X-FrEaK » domingo ago 07, 2011 4:49 pm

HappyTreeFriend Escreveu:
A corrente no palco foi abaixo 4 vezes no mínimo. 2 Vezes durante a mesma música (Empty). Começar sempre as músicas do ínicio significava ter que cortar uma ou duas músicas da setlist no fim. Fez-se o que se podia fazer atendendo à vergonhosa situação com que a banda teve que levar sem estar preparada, porque curiosamente - mesmo vindos de uma vaga de concertos no Mexico, Chile e Argentina (países quase considerados terceiro-mundistas por muitos) isto só aconteceu mesmo em Portugal. A mim a última vez que isto me aconteceu foi em Barroselas nos anos 90 para aí.

Curti Devin Townsend.


Motorhead o ano passado no Rock in Rio eheh :P

Anyway relativamente aos concertos:

Anathema - Não vale a pena, é secante lol. Eu adoro Anathema, adorei o ultimo album, mas aquilo é musica que simplesmente nao resulta ao vivo. O ano passado ja dava cabeçadas de sono no Tivoli.

Tiamar - Eu só conhecia o Best Of e pronto, foi um concerto morno, nao curti do facto de nao haver guturais onde era suposto haver. Ainda tinha uma esperança que o Fernando Ribeiro fosse tocar com eles a Sleeping Beauty pa dar alguma pujança mas nao...a musica ficou horrivel sem guturais.

Opeth - Grande concerto, o Mikael é um dos melhores frontman que já vi ao vivo, a setlist foi muito boa, acho é que, e apesar de terem sido muito boas à mesma, as piadas do Clube Lua foram melhores xD, mas pronto o homem tambem não é comediante. O som na Grand Conjuration tava merdoso, mas dai pa frente esteve muito bom.

Fiquei com pena de nao ter ido ver Ihsahn e Devin Townsend +/- e pelas reacções do pessoal mais triste fiquei =(


Voltar para “Rescaldo”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 2 visitantes